FIFME - Federação Internacional de Futebol de Mesa

HOME

NOTÍCIAS

e-Shop FIFME

MAPA DO SITE

CONTATO

BOLA ROLANDO:

EM ANDAMENTO
AMISTOSOS
.- FUTSAL
TORNEIOS
ELIMINATÓRIAS
CAMPEONATOS
.- COPA ROCCA
.- INTERCONTINEN.
.- CHAMPIONS
COPAS DO MUNDO
CLUBES
.- TORNEIOS
FUTSAL

FEDERAÇÃO:

LIGA DE SELEÇÕES
.- MASTERS
LIGA DE CLUBES
LIGA DE FUTSAL
.- ANTIGA LIGA
.- SUB-17
.- VÁRZEA
LIGA DE PRAIA
.- GAÚCHA
LIGA PRÓ
SUBBUTEO LEAGUE
CONFEDERAÇÕES
ESTÁDIOS
SEDE & INFRA
ARBITRAGEM
.- REGRAS
PRESIDÊNCIA
.- ESTATUTO

BOTÕES:

TODOS BOTÕES
.- ÍNDICE
.- ESPECIAIS
.- COLEÇÕES
.- .- CBF
EX-FILIADOS

 

 

Topo

Pedroom sai da FbMISG, e fala à Reportagem FIFME

Semanas atrás, Pedroom, técnico frequentador da FbMISG, teve um desentendimento com o presidente da federação, O Cúzão da FbMISG Izzo, ou O Cúzão da FbMISG, como é conhecido por todos os técnicos que fazem parte da FbMISG. Via e-mail, os dois técnicos, Pedroom e O Cúzão da FbMISG, trocaram graves ofenças e, ao final de uma longa discussão - via mail-list da FbMISG -, o técnico Pedroom, ofendido gravemente, resolveu se retirar da FbMISG. A Reportagem FIFME conversou com Pedroom para saber mais dessa história, e saber o que ele pensa de tudo isso. Confira a entrevista na íntegra.

FIFME: Descreva a briga que você teve com O Cúzão da FbMISG.
Pedroom: Depois das ofensas que recebi por e-mail de O Cúzão da FbMISG e eu ter me retirado da FbMISG, dois amigos que temos em comum tentaram apaziguar os ânimos entre eu e ele. Eles passaram a frequentar minha casa para jogarmos botão nos sábados pela manhã antes de irem a FbMISG. Num dia desses, eles me convenceram a pedir desculpas para o O Cúzão da FbMISG e retomarmos os campeonatos lá disputados alegando que, sem minha presença, a FbMISG não tinha mais graça. Da minha casa, eles foram para a casa do O Cúzão da FbMISG e eu fui em seguida com meu carro. Quando cheguei lá, da rua, observei que estavam lá esses dois amigos e o vice-presidente Sangawwa Gawa ainda armando a mesa para jogarem. Imaginando que O Cúzão da FbMISG ainda não havia descido à garagem, eu entrei pensando em falar com Sangawwa Gawa para que ele avisasse O Cúzão da FbMISG que eu estava ali querendo conversar. Porém, assim que eu entrei, O Cúzão da FbMISG saiu de um cantinho que não dá pra ver da rua onde existe um armário de botões, ele estava ali procurando um time e eu não o vi. Quando ele me viu, não quis saber de fazer as pazes e pediu que eu me retirasse. Eu disse que tudo bem, mas pedi para retirar algumas coisas minhas antes de ir e ele concordou. Quando eu me dirigi para a parede para retirar uma foto do Sócrates que me pertencia, ele tentou me agredir pela costas de forma covarde. Eu reagi tentando afastá-lo e os demais que estavam ali intercederam, na confusão, a mesa de botão que estava armada caiu no chão e fez um baita barulho. Meus colegas me "escoltaram" até a rua pedindo que eu fosse embora. De cabeça quente pela covarde tentativa de agressão que sofri pelas costas, antes de ir, da rua, eu intimei ele pra vir para o pau como um homem e dei um tapa no capô do carro dele que estava parado na calçada em frente a casa. Mas ele não teve coragem de sair pra me encarar na rua e, sob a insistência dos demais colegas, eu fui embora.
Depois fiquei sabendo que a mulher dele, que estava grávida, desceu da casa e deu a maior bronca nele pela confusão. Pior, frente as baixarias que rolaram anteriormente com outros técnicos, as discussões em voz alta e o pessoal saindo nervoso batendo o portão da garagem, depois de mais essa, ela proibiu ele de jogar botão ali, ou seja, decretou o fim a FbMISG. Por isso que o O Cúzão da FbMISG resolveu me processar adicionando fatos mentirosos ao processo alegando que eu teria jogado uma pedra no carro que, por sinal, estava registrado no nome dela, e que eu teria tecido ameaças de morte - mas ele só fez isso pois é advogado, um advogado advogando em causa própria. P da vida por sua mulher ter acabado com a brincadeira, ele prefere colocar a culpa em mim ao invés de assumir que era ele mesmo quem vivia brigando com todo mundo. E pensar que tudo começou com um simples e-mail que nem tinha a ver comigo e sim uma treta com o técnico Traíra de Melo, outro que proporcionou uma baixaria e saiu batendo o portão de sua garagem, indiretamente o pivô de tudo isso aí.

FIFME: Que discução foi essa via e-mail? Como tudo começou?
Pedroom: Tudo começou depois que eu enviei um e-mail de notícias da FIFME para o mail-list da FbMISG, algo costumeiro, que envio semanalmente para todos os colegas da FbMISG. No caso, um e-mail atualizado sobre as disputas da Copa Cicero Pompeu de Toledo, em função de eu ter perdido a última disputa. Foi na resposta à esse e-mail que o O Cúzão da FbMISG me ofendeu.

FIFME: Qual foi a ofensa?
Pedroom: A ofensa em sí não foi grave, o que me chateou foi o fato de eu ser costumeiramente ofendido. Sempre que mando um e-mail para esse pessoal da FbMISG, especialmente o O Cúzão da FbMISG, responde ofendendo, tirando um sarro, ou procurando ridicularizar as coisas que faço e envio. E isso tem sido assim desde que entrei na FbMISG há cerca de dois anos.

FIFME: Porque o O Cúzão da FbMISG sempre te ofendeu?
Pedroom: Sinceramente, não sei. Antes achava que tudo se tratava de uma rivalidade botonística, pelo fato de eu ganhar dele. Depois achei que poderia ser inveja, pelo fato de eu mantér sozinho também uma federação de botão e, como ele, fazer notícias, e outras coisas legais. Achava que talvez ele tivesse inveja por me achar mais criativo que ele em relação ao "mundo botonístico", mas hoje vejo que na verdade não é nada disso.

FIFME: O que é então?
Pedroom: Falta de amizade. A FbMISG, é formada originalmente por 3 técnicos além do próprio O Cúzão da FbMISG, são eles: Luis, Sangawwa Gawa e Dellove. Depois, novos técnicos se juntaram, sendo três deles, meus amigos, são eles: Braia, Ricky Greatpig Greatfat Greatbellie Greatass e Traíra de Melo, foi este último que me convidou para participar da FbMISG, não o O Cúzão da FbMISG, o presidente. Acho que o fato de eu não ser um conhecido do próprio O Cúzão da FbMISG, frequentando a sua casa, e jogando para ganhar na FbMISG, sua federação, criou uma certa antipatia da parte dele para comigo, talvez ele tenha me visto como uma espécie de "invasor". Isso somando-se o fato de eu ser corinthiano e ele sãopaulino.

FIFME: Muitos já o consideraram "folgado", você não acha que talvez tenha abusado da liberdade dele ao frequentar a sua casa?
Pedroom: Não, até porque eu nunca cheguei a frequentar a casa dele propriamente, apenas frequentava a garagem dele, onde disputava as partidas de botão com os demais técnicos. Sempre fui um dos técnicos mais calmos, procurava sempre colaborar nas vaquinhas para cerveja, e sempre trazendo novidades para a FbMISG, tais como novos botões, adereços, bolas e muitas outras coisas. Somente uma vez eu cheguei a levantar a voz na garagem, e isso aconteceu depois que eu já frequentava a FbMISG fazia algum tempo, e o O Cúzão da FbMISG já tinha me escolhido para ser o "pato" dele.

FIFME: Como assim "pato" do O Cúzão da FbMISG?
Pedroom: Poisé, quando comecei a frequentar a FbMISG, fui bem recepcionado, lembro da primeira vez que estive lá e levei todos meus botões e cadernos, que há anos estavam guardados no armário. Todos gostaram muito, elogiaram meus botões. Me lembro bem quando o próprio O Cúzão da FbMISG, ao ver um dos meus cadernos, disse "ele é um dos nossos". Achei muito legal isso que ele disse, pela primeira vez alguém vira um dos meus cadernos de botão sem me achar louco, me identifiquei com o O Cúzão da FbMISG naquele momento. Nas primeiras vezes que estive na garagem, com oportunidade de bater papo com o O Cúzão da FbMISG, falar sobre botões e brincadeiras de criança, ele foi muito legal e receptivo. Porém, depois de algum tempo, ele passou a me maltratar, sempre fazendo piadinhas de mal gosto para comigo, e me tirando de "prego" no botão. Depois, começou a me chamar de pato, para se referir ao fato de eu ser prego no botão. Aí a coisa foi piorando, a cada erro meu num jogo, a cada gol tomado, ele cantava "pato", até o dia em que, como eu já falei, acabei levantando a voz na garagem e discutindo com ele. Depois dessa discução, ele até falou comigo e disse, nas entrelinhas, que iria me respeitar mais e a coisa melhorou. Embora ele tenha parado de ficar me zuando durante as partidas, na verdade, essa era apenas uma das formas como ele procurava sempre me humilhar.

FIFME: De que outras formas o O Cúzão da FbMISG te humilhava?
Pedroom: Como eu comentei, depois que comecei a frequentar a FbMISG, eu voltei a jogar botão sozinho, retomei meus cadernos e transformei-os num site, criei novos botões, novas disputas e muitas outras coisas. Inspirado pela própria FbMISG, criei a FIFME, e da mesma forma como tirava algumas idéias da FbMISG, eu também levava muitas coisas para a FbMISG, idéias, sugestões, novos botões, criações de estampas etc. Sempre que eu levava alguma coisa, ou enviava um e-mail com uma criação nova, o O Cúzão da FbMISG, sem excessão, respondia dizendo "puta bosta", "que lixo". Lembro-me muito bem uma vez que, após ter criado o meu site da FIFME, eu quis fazer uma surpresa e criar um site para FbMISG, que possuia um Wiki na Internet mas que não tinha manutenção. Fiquei em casa, uns dois dias trabalhando no site para a FbMISG e, quando ele estava pronto, enviei um e-mail para o mail-list da FbMISG. Lembro-me que estava ansioso nesse dia, esperando a resposta dos fifbianos, esperando que todos iam gostar da surpresa e me agradecer. Não, só recebi critícas, neste caso não só do O Cúzão da FbMISG, mas alguns de seus amigos também. Lembro-me que foi a primeira vez que eu briguei com ele via e-mail, e no fim, a FbMISG acabou ficando sem site, pois eu perdi completamente o tesão de fazer o site para a FbMISG nesta ocasião. Depois eles até quiseram que eu fizesse o site, mas eu nunca mais tive o mesmo tesão que eu estava na ocasião em que criei o primeiro site e todos meteram o pau, então a idéia de mantér um site para a FbMISG - de graça- não vingou mais. Mais recentemente eu me ofereci para criar e mantér o site da FbMISG, de forma profissional, por meros 100 paus mensais, eles sequer responderam a minha proposta.

FIFME: Percebe-se que a criação do site para FbMISG é uma mágoa que você tem em relação a FbMISG, existem outras?
Pedroom: Infelizmente sim. Mas o fato do O Cúzão da FbMISG sempre meter o pau nas coisas que eu criava é algo que até hoje eu não entendi, e não engoli. Mas aconteceram várias outros fatos tristes do O Cúzão da FbMISG para comigo, principalmente nos últimos tempos. Desde que entrei na FbMISG, regularmente eu levava lá os botões novos que eu adquiria e, sempre, o O Cúzão da FbMISG criticava. Pouco antes de eu sair da FbMISG, eu havia comprado 11 times da série "11 de ouro", antes de levá-los para a FbMISG, me ocorreu o pensamento deu chegando na FbMISG e o O Cúzão da FbMISG metendo o pau nos botões. Lembro-me de ter pensado: "será que valeu mesmo a pena gastar 270 reais nesses botões para jogar na FbMISG?". Esse é o tipo de mágoa que eu guardo. Outra mágoa foi em relação ao título que eu conquistei, recentemente, da Copa das Confederações, o meu primeiro título conquistado na FbMISG. Lembro-me que, na partida decisiva onde conquistei o título, contra o Sangawwa Gawa, o O Cúzão da FbMISG tentou fazer pressão para me enervar durante a partida, fui até obrigado a pedir para ele ficar quieto, ele ficou claramente torcendo contra mim. Ao final do jogo, com a minha vitória e o título conquistado, ele fez a maior cara de cú, sequer apertou a minha mão. Isso foi muito chato para mim, que estava feliz pela minha primeira conquista. Antes de eu conquistar um título na FbMISG, o O Cúzão da FbMISG vivia me enchendo o saco, fazia questão de a toda hora enfatizar que eu era o único sem título na FbMISG. Uma vez, bêbado, ele me disse que eu seria campeão qualquer hora, para acabar com o peso desse tabú, que a minha hora estava chegando, fiquei feliz na ocasião. Mas eis que chega a hora e o cara faz a maior cara de cú e, depois passou a desmerecer a minha conquista, dizendo ser de um campeonato menor e pior, continuou a encher meu saco me chamando de "sem-título", como se a conquista não tivesse ocorrido. Eu achava que após conquistar meu primeiro título, ele passaria a me respeitar mais, puro engano, pelo contrário, as encheções de saco pioraram, tanto que no e-mail que começou a discução toda, ele procurou me ofender dizendo que eu nunca havia conquistado nenhum título na FbMISG. Foi aí que percebi como ele sempre se esforçou para evitar e adiar ao máximo a possibilidade de eu conquistar um título.

FIFME: Como assim?
Pedroom: Além dessa decisão da Copa das Confederações onde o O Cúzão da FbMISG tentou me desestabilizar, o O Cúzão da FbMISG sempre procurou adiar ao máximo a realização de vários campeonatos onde meus times estavam já nas fases finais. Bastava eu chegar numa final que o campeonato era esquecido.

FIFME: O que você diria para o O Cúzão da FbMISG agora?
Pedroom: Eu diria para ele frequentar uma psicóloga, para ensinar ele a se divertir sem ter que ficar enchendo o saco das pessoas. Não sei porque ele achou que eu deveria ser o cara perfeito para ser o "pato" dele. Infelizmente, ele escolheu o cara errado para ser o "pato" dele, nem acho que ele deveria escolher qualquer um.

FIFME: Com relação aos outros fifbianos, existe alguma mágoa?
Pedroom: Um pouco. Do Sangawwa Gawa, amigo intímo do O Cúzão da FbMISG, que poderia tê-lo aconselhado a me tratar melhor, mas preferiu se acomodar na posição em que o O Cúzão da FbMISG me queria, de "pato". E também de um ex-técnico da FbMISG, o Luis que, apesar de ter saido da FbMISG, continuou a participar do mail-list da federação e, através deste, me ofendeu várias vezes e também sempre sustentou as ofensas do O Cúzão da FbMISG. Fico triste também de ver que os fifbianos não em apoiaram contra o O Cúzão da FbMISG, achando que eu exagerei em toda discussão que tivemos via e-mail, mas acho que é fácil para eles falarem isso pois não foram eles que tiveram que aguentar as ofensas e humilhações do O Cúzão da FbMISG.

FIFME: Essa história de e-mail é complicada, é dificil você saber exatamente o que a pessoa quis dizer do outro lado e, nós sabemos que você, Pedroom, tem um histórico de brigas via e-mail, você não acha que possa ter exagerado?
Pedroom: Até o fim da discussão, não. Veja bem, as mensagens que o pessoal troca no mail-list da FbMISG são sempre em tom de briga e ofensas, ou seja, o nível da conversa é sempre baixo. Todos usam palavras de baixo calão, e mais, normalmente, todos da FbMISG discutiam contra mim, então eu era obrigado a me defender de todos, principalmente do O Cúzão da FbMISG e do Luis, as vezes do Sangawwa Gawa também. Aliás, é mais fácil eu lembrar das duas únicas ocasiões que o O Cúzão da FbMISG me elogiou via e-mail, que foram quando eu escrevi um artido sobre a FbMISG e uma matéria que eu fiz sobre a casa do Farah, no mais só recebi ofensas e gozações. E quanto a esse meu histórico, eu nunca escondi dos fifbianos que por e-mail, eu pego pesado mesmo. Mesmo assim, o O Cúzão da FbMISG nunca procurou aliviar a minha barra, sempre com ofensas e palavras de baixo calão, quando eu respondo da mesma forma, sou considerado ofensivo, dá par entender? Mas no fim dessa última discussão, eu admito que ofendi mesmo o O Cúzão da FbMISG, mas que reação ele poderia esperar depois de me chamar "persona non grata", cobra e traíra? Aí eu só quis mostrar para ele o que era ser "traíra". Foi ele que resolveu cutucar a onça com a vara curta, não eu.

FIFME: Porque você acha que o O Cúzão da FbMISG te considerava "persona não-grata"?
Pedroom: Isso você terá de perguntar para ele, pois eu também não consigo entender, por isso eu disse no começo que acho que ele nunca me considerou sinceramente um amigo. Depois de toda a disposição que eu demonstrei na FbMISG, desde o começo, com idéias, investimentos. Muitas vezes sendo o primeiro a chegar e o último a sair. Tenho certeza que nenhum outro fifbiano tenha chego na FbMISG com tanta disposição e vontade de colaborar como eu. Persona non-grata acho que é ele, que nunca sequer me fez um elogio para mim depois do muito que eu fiz para a FbMISG.

FIFME: O que você acho que acontecerá com a FbMISG após a sua saída?
Pedroom: Nada, vai continuar o mesmo de sempre, só que sem a minha presença. A FbMISG continuará sendo a federação de brincadeira do O Cúzão da FbMISG, com ele fazendo e desfazendo o que quer. O probelma da FbMISG é este na minha opnião, que o O Cúzão da FbMISG a trata como somente sua, como eu faço com a FIFME, a diferença é que na FIFME só tem eu mesmo, na FbMISG ele acaba sempre esbarrando na vontade dos outros técnicos e isso gera atritos. Eu cansei desses atritos e palhaçadas patrocinadas pelo O Cúzão da FbMISG. Basta lembrar que na última rodada, dois fifbianos quase sairam no tapa, eu que era um dos prejudicados da história, me mantive calmo e em nenhum momento patrocinei as cenas de baixaria que ocorreram. Mesmo assim, após toda a confusão, eu tendo perdido um time que estava na final sem reclamar, pois não queria criar mais confusões, o O Cúzão da FbMISG me manda um e-mail me dizendo que eu sou pato dizendo que eu deixei roubarem meu time. Aí eu resolvi e respondi com firmeza, e fui tratado como um ser ofesivo e desrespeitador, sendo que respeito comigo, como um verdadeiro amante do botão, nunca houve. No fim disse um monte de coisas para ele, tudo que eu pensava, nada mais que isso, e o cara já quis me expulsar da FbMISG. Aí no fim, quando mandei um e-mail tentando fazer as pazes, ele me respondeu me chamando de traíra, cobra e pernosa non-grata. Foi quando eu ví que a melhor coisa que eu podia fazer era me retirar da FbMISG.

FIFME: Para finalizar, que balanço você faz da sua participação na FbMISG.
Pedroom: Dentro das quatro linhas, positivo. Basta lembrar que eu fiz um balanço com todos os meus jogos do momento em que entrei até maio de 2005, e nesse balanço, que inclui o meu início na FbMISG onde eu estava voltando a jogar botão depois de vários anos de inatividade, já é positivo, ou seja, com mais vitórias que derrotas. Em todas as disputas que eu mantive o controle dos dados, tais como amistosos, Copa Cícero Pompeu de Toledo e disputas com botões profissionais, o meu balanço é positivo. Ainda vou fazer, através dos FbMISGNews que eu tenho, um balanço completo dos meus jogos que irá ratificar essa minha participação vitoriosa pela FbMISG. E ainda, foram 3 títulos conquistados apesar deu ter de brigar contra a federação também, além da Copa das Confederações, eu ainda considero as conquistas do Campeonato Italiano e do Brasileiro, que eu já estava praticamente com o título na mão, mas o O Cúzão da FbMISG me tirou da FbMISG sem poder completá-las, mas elas serão finalizadas aqui na FIFME e os títulos já estão contabilizados para mim. Agora, fora das quatro-linhas, por tudo que eu tive que aguentar por parte do O Cúzão da FbMISG, o balanço é negativo. Até que eu ageuntei bastante tempo o mau humor dele, e suas ofensas, por isso, apesar de eu ter frequentado a FbMISG por dois anos, nunca fiquei 100% a vontade lá, tanto que no final eu já não fazia questão de chegar cedo, pois quando chegava, mesmo sendo o primeiro, ele reclamava.

FIFME: Quais suas últimas palavras para o O Cúzão da FbMISG.
Pedroom: Que ele faça um exame de consciência, uma reflexão e mude. Para que nunca mais alguém precisar ser o "pato" dele.

Leia mais: Tribunal garante os títulos de Pedroom na FbMISG

 

22/06/2006

GALERIAS:

RANKINGS
CAMPEÕES
CAMPEÕES MUNDIAIS
GRAND SLAM
TÍTULOS
AWARDS
SALA DE TROFÉUS
HALL DA GLÓRIA
CLUBS HALL
HISTÓRIA

ESTATÍSTICAS:
RECORDS
ARTILHEIROS
GOLS DE PLACA
CLÁSSICOS
PÁGINA NEGRA
NÚMEROS
FINAIS

MULTIMÍDIA:

TV FIFME
RÁDIO FIFME
FOTOS
PÔSTERS
MEMÓRIA

MUSEU FIFME

PARCEIROS:

INTERCÂMBIO TÉCNICOS
COMPETIÇÕES
RANKINGS
PEDROOM
MCM 1900
MBC
FFM
VILA EMA
DA VINCI BOTÔES



 

Topo

Copyright©1982®FIFME
Topo | Home
FIFME Sound Track - Ouça